CULTO SÉNIOR - SERVIÇOS DE APOIO DOMICILIÁIO, LDA
RUA ANTÓNIO GOMES SOARES PEREIRA, 44 4470-139 MAIA MAIA, PORTUGAL
229423038 229447412 info@culsen.com Culsen® 337520921
Maria Adelaide Pinheiro de Sousa Leite Antunes
19-10-2007
MAIA
20 15
508221749
Os cookies ajudam-nos a oferecer os nossos serviços. Ao utilizar a nossa página, concorda com a nossa política de cookies. Saiba Mais
Aqui no Blog da Culsen® partilhamos Dicas e Curiosidades. Mantenha-se atualizado!
Como Ajudar o Idoso a ter uma Alimentação Adequada
05 Julho 2019

Como Ajudar o Idoso a ter uma Alimentação Adequada


 Conseguir manter uma alimentação equilibrada todos os dias não é uma tarefa fácil. No caso das pessoas mais velhas, a falta de cuidado com a alimentação pode transformar-se num grave problema de saúde. As limitações físicas do envelhecimento, podem dificultar a ida às compras, a confeção de alimentos e a atenção na hora das refeições. 

 Vários fatores podem intervir na má alimentação. Quando o idoso é totalmente dependente de ajuda para se alimentar, cabe ao cuidador ser responsável pela sua saúde. Nas situações que descrevemos mais abaixo, consideramos Idosos com independência na maior parte das atividades do seu dia-a-dia.

 Em casos específicos a atenção com a alimentação deve ser redobrada e extremamente cuidada. Temos o exemplo da dieta de baixo sódio para pessoas com hipertensão arterial ou problemas relacionados, na qual deve ser utilizada uma menor quantidade de sal; a dieta de controlo de hidratos de carbono para pessoas com diabetes; dieta líquida aquando da preparação para tratamentos ou cirurgias (curta duração); a dieta mecânica suave de papas, purés e líquidos espessos, entre muitas outras.

 De forma mais abrangente, são comuns algumas destas causas para uma alimentação menos adequada:

  • Problemas de mastigação/deglutição devido a dentição deteriorada, próteses ou a sua falta

  • Perda de apetite
    Alguns medicamentos e tratamentos podem interferir com o paladar e originar uma perda de apetite. Consulte o seu médico sempre que notar uma diferença significativa nos hábitos alimentares do seu familiar Idoso.

  • Falta de capacidade para cozinhar ou ir às compras
    Um adulto independente tem, muitas vezes, dificuldade em reconhecer quando necessita de ajuda. Após algumas alterações, fruto do envelhecimento, pode surgir uma perda de habilidade e destreza para realizar pequenas tarefas na cozinha. Pode também tornar-se difícil elaborar uma lista de compras ou dirigir-se a um supermercado.

  • Solidão
    Realizar as refeições sem companhia, de forma regular, pode aumentar o sentimento de solidão, os sintomas de depressão e a posterior falta de apetite ou vontade de comer.

idosa a cozinhar


 Então, o que podemos fazer para ultrapassar todos os obstáculos que referimos? É fundamental intervir (sem invadir o espaço do seu familiar e respeitando a sua individualidade) e fornecer toda a ajuda necessária. Estabelecer rotinas é o mais importante e facilita o dia-a-dia do Idoso. 

 

  • Esteja atento a todas as mudanças e identifique os sinais de alerta. Atue o mais rapidamente possível.
    Não espere até notar diferenças físicas no seu familiar. Muitas vezes, a pobre alimentação pode revelar-se através da fadiga em excesso, dificuldade em concentrar, menor mobilidade, etc.

  • Elaborem um plano de refeições em conjunto
    Se acha que o seu familiar já não tem interesse ou capacidade para pensar em refeições novas, combinem um lanche juntos e façam uma lista de refeições favoritas. Coloque um pequeno papel no frigorífico com as receitas para cada dia/refeição.

  • Contrate um serviço de confeção ou entrega de refeição
    Se nota, no Idoso, uma falta de motivação ou capacidade para a confeção de refeições, pesquise algumas soluções para se assegurar que estas chegam a sua casa em boas condições e que o seu familiar fica satisfeito.

  • Ajude nas compras
    Pode ter a certeza que o seu familiar tem todos os produtos que necessita, acompanhando o Idoso na ida às compras, elaborando uma lista em conjunto ou fazendo um pedido de entrega ao domicílio.

  • Mantenha uma boa organização de despensa e utensílios de cozinha
    A organização é fundamental para facilitar todo o processo. Se o seu familiar souber exatamente onde tudo está, terá maior facilidade em orientar-se no seu espaço.

  • Prepare em quantidade para toda a semana
    Uma das soluções para muitos adultos independentes terem uma alimentação cuidada todos os dias é o chamado "meal prep", que significa, a preparação de refeições (num dia) em quantidade suficiente para toda a semana. Se gostaria de deixar tudo pronto, considere guardar um dia para confecionar todas as refeições da semana ou apenas colocar todos os produtos prontos a confecionar, aproveitando receitas apetitosas e facilitando o processo do seu familiar Idoso.

 Com todas estas dicas, para além de estar a ajudar o seu familiar a ter uma rotina mais saudável, está também a participar na sua vida de forma interessada e a mostrar o quanto se preocupa! 

Quer ter a certeza que o seu familiar idoso tem uma alimentação equilibrada mas não pode estar presente nos momentos de refeição? Contacte-nos! Os cuidadores da Culsen® fornecem toda a ajuda que o seu familiar necessita e asseguram uma alimentação equilibrada e segura com acompanhamento antes, durante e após a hora da refeição.